20 agosto, 2010

Todo mundo vale a pena!

Hoje vou falar de um assunto meio controverso, mas sobre o qual tenho minha ideia formada. Eu acho que todas as pessoas do mundo têm seu lado bom.
Tá, é difícil pensar isso sobre o Bin Laden por exemplo, mas garanto que até ele tem um lado bom. Ninguém sabe se ele é um bom pai, ou se foi um ótimo filho, por exemplo...

Partindo do princípio de que ninguém é perfeito, então ninguém também é totalmente imperfeito.

E as pessoas adoram julgar os outros. Todo mundo (inclusive eu, de vez em quando) aponta os defeitos dos outros. Julga, condena. Mas ninguém sabe o que vai dentro de cada um.

Eu já tive amigas consideradas pelos outros como "chatas", "intragáveis", mas que se você reparar bem, só estão se defendendo do mundo. Muita gente, pra não demonstrar suas fraquezas, ataca os outros, e na verdade está encolhidinho dentro de si mesmo, morrendo de medo. Tem aqueles que se acham sempre com a razão, tem os tímidos... Enfim, tem gente de todo jeito.

Mas todo mundo vale a pena. Antes de olhar pra alguém e julgar, vale uma segunda olhada, mais profunda, sobre como é (ou foi) a vida dessa pessoa pra que ela seja assim. Vamos ser mais tolerantes com os defeitos dos outros, pra que os outros sejam com os nossos também. Todo mundo tem uma coisa boa pra compartilhar com a gente, basta a gente dar espaço!

6 comentários:

Magnum Opus disse...

Será que Rousseau estava certo em dizer que “O homem nasce bom e a sociedade o corrompe”?

Bi disse...

Concordo em gênero, número e grau.
Como você mesma disse, ninguém é perfeito; é muito fácil apontar os defeitos dos outros, mas e os nossos, a gente assume? aponta?
Provavelmente não, né?
Além de darmos espaço para os outros demonstrarem suas virtudes, porque é que não começamos por nós mesmos?
É um exercício e tanto, mas vale muito a pena!

Beijo!

Dri disse...

Dani: ...
Só isso: ...
Bi, você tem moral pra falar também!
Beijos!

Hadas disse...

Dani, essa é uma habilidade que vc tem... e eu tenho que desenvolver mais!
Mas já estou recebendo umas certas interferências positivas, sabe qual? hahahah!

Beijo!

Dri disse...

Ah!!! Dani... e nunca é tarde para mudarmos nossas atitudes, nosso jeito de ser e pensar.
O passado tem de ficar para trás. O negócio é construir um novo eu,tu,ele,nós,vós e eles. Né?!!!

Pé Mimado disse...

Dani, com certeza a gente aprende muita coisa...até dar mais uma chance às pessoas. Nem sempre as pessoas são o que parecem ser...muitas vezes nos decepcionamos, outras nos surpreendemos. Sempre podemos aprender alguma coisa, seja pra bem ou pra mal. :) Ainda bem que vc sempre pareceu ser essa pessoa maravilhosa que é! Beijos, amiga!